.

.

domingo, 27 de novembro de 2016

Câmara de Biritinga vota aumento de salário para Prefeito, Vice-Prefeito, Vereadores e Secretários nesta segunda-feira (28)

A Câmara de Vereadores de Biritinga vota na próxima segunda-feira (28) a proposta de aumento salarial para agentes políticos do município. O projeto reajusta os salários do Prefeito, Vice, Secretários e Vereadores.


Segundo informações do Vereador Jorge do Portal, a proposta  que altera os vencimentos dos agentes políticos podem representar para os vereadores um salário de até R$ 7 mil.


Veja como fica a partir de 2017:


01 - Prefeito: R$ 18 mil;

01 - Vice: R$ 10 mil;

12 - Secretários: R$ 4 mil;

11 - Vereadores que podem chegar até R$ 7 mil.


"O que se deve questionar não é apenas o custo que esses agentes políticos representam para o orçamento municipal em um momento de recessão financeira, mas, a eficiência de uma Câmara que funcione, e sobretudo da diminuição das secretarias existentes. A soma desses valores representa um custo mensal de 153 Mil Reais ao município".
(Renilson Silva)

Fonte: Blog Biritinga Informa

terça-feira, 15 de novembro de 2016

Mensagem do dia

Porque dele, e por ele, e para ele, são todas as coisas; glória, pois, a ele eternamente. Amém.
(Romanos 11:36)

sexta-feira, 21 de outubro de 2016

Vereador Jorge do Portal faz visita a Produtores de Hortaliças no Povoado Pai Felipe, em Biritinga

O Vereador Jorge do Portal visitou o povoado Pai Felipe, zona rural de Biritinga (BA), na tarde desta terça-feira (18) para conhecer a horta da família de Damião, morador da comunidade.

Damião produz hortaliças com a família; ele e os irmãos comercializam a produção na feira livre do município de Biritinga (BA). A produção ainda é pouca, mas o horticultor pretende estender e tentar organizar uma associação comunitária na localidade para incentivar outras famílias a produzir.

Jorge do Portal esteve no local com Reni Silva. A visita do parlamentar foi a oportunidade para que os moradores do local apontassem para problemáticas da comunidade. Um dos problemas é a inativação do viveiro de mudas, construído pela Secretaria de Agricultura de Biritinga em Setembro de 2013. O viveiro foi construído em uma área próximo a Escola da comunidade.

A Escola é de ensino infantil, e apresenta problemas de riscos a saúde e segurança dos alunos. A vegetação ao entorno do prédio é muita. Mas, o problema mais sério se trata de uma caixa d’água ao lado da escola que coloca em risco a vida de alunos que passeiam por ali. A caixa fica no chão, a uns três metros do local onde as crianças estudam, e tem mais de 1 metro de profundidade, segundo um morador da região. A caixa d’água pertence a EMBASA, e não temos informações sobre o porque a caixa se encontra aberta sem nenhum tipo de proteção.


Fonte:Blog Biritinga Informa

segunda-feira, 17 de outubro de 2016

Biritinga: Associação Comunitária do Povoado de Vila Nova promove festividade para crianças da localidade

A Associação Comunitária Vilas Unidas, na comunidade quilombola Vila Nova, zona rural do município de Biritinga-BA, promoveu um momento de festividade com brincadeiras como ‘quebra-pote, corrida de saco, entre outras’. O momento contou com participação dos bonecos alegóricos levado pelo Vereador Jorge do Portal.

A festividade foi organizada pela Associação, que tem como Presidente, Arilma Souza, em comemoração ao dia das crianças, que aconteceu no último dia 12 (quarta-feira). Segundo Arilma, a festa do dia das crianças foi uma das contrapartidas sociais da Associação Comunitária das Vilas Unidas, com o Instituto Yamana de Desenvolvimento, e e que a segunda contrapartida será a realização de um curso de panificação para os jovens do quilombo Vila Nova.

fotos:


fonte: Blog Biritinga Informa


sexta-feira, 14 de outubro de 2016

Governo da Bahia entrega nova viatura da Polícia Militar em Biritinga

A solenidade de entrega da nova viatura acontece na manhã desta sexta-feira (14), na Praça Municipal, em frente a Prefeitura, e conta com a participação de políticos do município e de representantes do 16º Batalhão da Polícia Militar da Bahia. 

O Prefeito de Biritinga, Gilmário Oliveira, o Comandante do 16º Batalhão da PM na Bahia, Tenente-Coronel Gilson Paixão, e o Comandante do Pelotão de Biritinga, Sub-Tenente Ângelo Amorim, convidam a população para o momento de entrega do novo veículo da PM ao município, que acontece às 10:00h desta sexta-feira. 
Convite: Prefeitura de Biritinga, Governo da Bahia e Polícia Militar da Bahia

Insegurança:

A população de Biritinga vive com a realidade de insegurança diante de constantes assaltos e outros crimes que acontecem na zona urbana e na zona rural do município. A viatura será importante, mas é preciso alertar para o número do efetivo policial no município, que ainda é reduzido. 

Além disso, para garantir maior segurança, é preciso qualificação da Guarda Civil Municipal, que atua com dificuldades, para a realização de rondas ostensivas na área urbana e rural do município. Essa ação compete ao município, mas, que pode buscar parcerias com o estado.

fonte: Blog Biritinga Informa

segunda-feira, 10 de outubro de 2016

Com reforma da Previdência, idade mínima de benefício assistencial pode subir para 70 anos

A reforma da Previdência pode desvincular do salário mínimo o benefício assistencial pago a idosos e deficientes de baixa renda e elevar a idade mínima exigida de 65 para 70 anos. De acordo com a Folha de S. Paulo, o Benefício de Prestação Continuada (BPC) equivale ao pagamento mensal de salário mínimo àqueles com renda familiar per capita inferior a 25% do valor básico no país. Para a equipe que estuda as mudanças, como o BPC não exige contribuição, algumas pessoas poderiam recorrer a ele caso as regras da reforma da Previdência sejam mais duras. Até o momento, a proposta do presidente Michel Temer é que a idade mínima de aposentadoria seja de 65 anos para homens e mulheres que tenham ao menos 25 anos de contribuição para a Previdência. Para o BPC, novos modelos são analisados, mas ainda não se sabe como ele seria calculado ao ser desvencilhado do salário mínimo. Além disso, o governo estuda mudar a regra de acesso ao benefício, utilizando como argumento uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que considerou o critério de renda, de 25% do mínimo, insuficiente para caracterizar a miséria. Bahia Notícias.